Como ajudar o seu livreiro

Luiz Schwarcz

 

Queridos amigos,

Não faz muito tempo mandei cartas falando dos riscos à nossa democracia e alertando sobre a grave crise que assolou o mercado livreiro em 2018. Não tenho muito a acrescentar acerca de tudo que estamos vivendo e a respeito das necessárias e penosas medidas que todos temos que tomar.

Como editor e amante dos livros, queria apenas alertar sobre os enormes perigos que a pandemia traz para as livrarias, especialmente as pequenas, assim como para todos os pequenos empreendimentos comerciais em geral. Quantos conseguirão sobreviver à enorme reclusão e à falta de contato direto com os consumidores? Gostaria de sugerir apenas que pensemos em quem nos acompanha pela vida afora, de quem estamos apartados pela força das circunstâncias, e tentemos imaginar formas de ajuda coletiva. Na reclusão lembre-se de seu livreiro, e o apoie.

Na Companhia das Letras estamos oferecendo um sistema de entregas em todo o Brasil para ajudar especialmente o pequeno livreiro. Assim, a livraria que está com as portas fechadas, que ainda não desenvolveu seu e-commerce, ou que não tem um sistema de entrega a domicílio, poderá nos encaminhar os pedidos, que serão enviados aos leitores por nós, sem nenhum custo. É preciso apenas um simples cadastro para que isto possa ocorrer. (Veja nota abaixo).

O que podemos fazer para cooperar com outros comerciantes, tão próximos de nós e com quem perderemos contato nesse período de isolamento? Será que esse exemplo pode ser seguido? Por ora o que peço é uma pequena atenção aos que terão enormes dificuldades em sair saudáveis dessa crise. A ideia é preservar o maior número possível de empregos e empreendimentos.

Viva o livreiro, é o que não sai da minha cabeça neste momento.

 

*** 

A Companhia das Letras informa: Em virtude dos acontecimentos provocados pela pandemia do COVID-19, a editora oferece sua logística para ajudar livrarias e distribuidoras em suas vendas on-line. Temos uma equipe dedicada ao CIALOG para atender os clientes de forma rápida e efetiva. Para mais detalhes, entre em contato conosco pelo e-mail cialogentrega@companhiadasletras.com.br e/ou converse com o vendedor que costuma atendê-lo.

 

*** 

Luiz Schwarcz é editor da Companhia das Letras e autor de Linguagem de sinais, entre outros.

Neste post
Acesse a Letrinhas nas redes sociais