" />

Livros esgotados de Lacan e Bauman de volta às livrarias

O mês de julho trouxe boas notícias para os leitores de psicanálise: Outros escritos e Meu ensino, de Jacques Lacan, voltam às livrarias esse mês! O primeiro livro, coletânea que dá continuidade aos Escritos, reúne textos de Lacan veiculados entre 1966 e 1973, além daqueles que não encontraram espaço na coletânea anterior.

Meu ensino agrupa três conferências inéditas em livro, pronunciadas entre 1967 e início de 1968, logo após o sucesso inesperado dos Escritos.

         

 

A sociologia também tem espaço nas reimpressões do mês, Vida em fragmentos, do sociólogo polonês Zygmunt Bauman está de volta às prateleiras. O livro reúne oito ensaios sobre temas que se tornaram sinônimo da obra do pensador: identidade, inospitalidade, peregrinação e errância, pânico, violência, racismo, antissemitismo, modernização da crueldade, função dos intelectuais na política e construção de uma moral não baseada em contrato, mas incondicional e irrestrita.