" />

Rádio Companhia #168 - Bate-papo sobre A construção de mim mesma, com Letícia Lanz e Laerte

Para marcar e celebrar o lançamento de A construção de mim mesma, da psicanalista, palestrante e ativista Letícia Lanz, uma conversa especial e emocionante sobre transição de gênero foi realizada no fim de outubro. O evento contou com a participação da autora e da cartunista Larte, além da contribuição de vozes como a psicóloga Angela Autran — companheira de Letícia e que escreve o posfácio do livro — e Fernanda Pantoja, editora da obra.

Candidata à prefeitura de Curitiba em 2020, Letícia Lanz é casada, tem três filhos e cinco netos. Em A construção de mim mesma, ela conta a história de sua transição. A luta para se libertar das amarras de gênero começou quando ainda era criança e culminou num enfarte, cinquenta anos mais tarde. Depois de uma vida marcada pelo permanente conflito entre ser ela mesma ou a pessoa que a sociedade exigia que fosse, na cama da UTI, ela entendeu que transicionar era a única coisa a ser feita se quisesse continuar viva.

Ao narrar suas reflexões e experiências pessoais, Letícia convida o leitor a compreender o que é ser e se aceitar uma pessoa transgênera em uma sociedade ainda incapaz de conviver com as diferenças, regida pelo binarismo, em que homem e mulher são categorias determinadas a partir do órgão sexual com o qual nascemos. A construção de mim mesma é um livro sincero que se propõe a abrir novos e variados diálogos sobre diversidade, aceitação e liberdade.

***

Edição e apresentação: Paulo Júnior

 

***

Ouça no SoundCloud, iTunes, Deezer, Spotify ou no seu agregador de podcasts favorito. Tem alguma crítica, elogio ou sugestão? Escreva pra gente no nosso e-mail, radio@companhiadasletras.com.br, ou nas nossas redes sociais.

Neste post