Zahar na Bienal do Livro Rio 2019

De 30 de agosto a 8 de setembro, a Zahar estará na XIX Bienal do Livro Rio e contará com a presença de importantes autores, lançamentos e novidades.

Com estande assinado mais uma vez pela arquiteta Bel Lobo – parceria que já rendeu premiação à editora – o espaço abrigará os tão desejados Clássicos Zahar, lançamentos e sucessos do catálogo, além de destaques da Pequena Zahar.

Não deixe de nos visitar!

Estaremos localizados no Pavilhão Azul, estande G70.

Programação no Café Literário

7/9 - Sobre autoritarismo e democracia Sábado, às 13h

O cientista político Steven Levitsky, autor do best-seller Como as democracias morrem – com 70 mil gg exemplares vendidos – participará de mesa sobre as raízes do autoritarismo e as fragilidades do sistema democrático no Brasil e no mundo, com a historiadora Lilia Schwarcz.

Mediação: Marcelo Lins

 

 

8/9 - Um longo olhar sobre o Brasil Domingo, às 19h

Melina Risso, especialista em políticas públicas e coautora, com Ilona Szabó, do livro Segurança pública para virar o jogo, conversará com os jornalistas Miriam Leitão e Mário Magalhães sobre fatos recentes da História do Brasil para lançar um olhar múltiplo sobre o futuro do país.

Mediação: Bernardo Mello Franco

 

 

4/9 - A beleza que vem do Japão Quarta, às 17h

Lúcia Hiratsuka, premiada autora e ilustradora de Chão de Peixes e Orie, falará com os escritores Angel Bojadsen e André Kondo sobre a influência e o alcance da literatura e da cultura do Japão – país homenageado nesta edição da Bienal.

Mediação: Sônia Luyten

 

 

31/8 - Meio ambiente, ambiente de todos nós Sábado, às 13h

Autora de Novos tempos, a jornalista Ana Lucia Azevedo debaterá com o líder indígena Ailton Krenak e com a jornalista Cristina Serra sobre tragédias ambientais recentes e a ação nociva do homem sobre a natureza.

Mediação: Emanuel Alencar

- Palestras seguidas de sessão de autógrafos no Café literário.

 

 

Programação na Arena #SemFiltro

8/9 - Literatura Trans Domingo, às 19h

A psicanalista Natália Travassos, autora de Transexualidade, participará de bate-papo sobre Literatura LGBT, compartilhando seu trabalho e pesquisa com pessoas transexuais.

Mediação: Felipe Cabral

 

No estande da Zahar

Lançamento do audiolivro Como as democracias morrem narrada pela atriz Erika Riba e produzido pela Zahar em parceria com o Selo Sputnik Phonograms.